ProAcústica e IPT definem metodologia de projeto piloto para mapa acústico de SP

O grupo de trabalho sobre Mapas de Ruídos, do Comitê Acústica Ambiental da ProAcústica vem se reunindo ao longo do último semestre com o objetivo de definir uma metodologia padrão do “Projeto Piloto” de mapa acústico para cidade de São Paulo. Formado por especialistas consultores acústicos e representantes das empresas distribuidoras de equipamentos e softwares associados à ProAcústica e, coordenado pelo engenheiro Juan Frias – o GT tem como foco principal o Mapeamento Acústico da cidade de São Paulo, a partir da  Lei 16.499 Mapa de Ruído Urbano de 21/07/2016, que estabelece o desenvolvimento e a implantação, por parte da Prefeitura Municipal, desta importante ferramenta de diagnóstico para melhorar a gestão dos impactos da poluição sonora.

Em paralelo, o grupo de especialistas tem se reunido com o IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) para discutirem ações conjuntas na elaboração do mapa de ruído, buscando harmonizar os aspectos técnicos através de estudos de caso reais e recentes, que serão a base para as melhores práticas em mapeamento de um futuro “Projeto Piloto São Paulo”.

Anterior Escola de Primavera reuniu especialistas em Aeroacústica
Próximo Dica de leitura: Acústica nos Edifícios

0 comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comentar essa publicação!